Arte Final e Transparência para Serigrafia

arte para serigrafia

Entende-se como arte final para serigrafia, um desenho bem elaborado do original a ser impresso. O desenho deve ser feito com o máximo possível de qualidade e precisão. Pode ser pintado nas cores definitivas, ou apenas com tinta nanquim preta sobre papel branco.

Pode ser impresso em impressora Laser ou qualquer outra impressora cuja definição seja boa o bastante para servir de original. Tanto as artes finais em preto e branco quanto as pintadas em diversas cores servem para a produção de matrizes com filmes de recorte. Se o serígrafo pretende fazer a matriz pelo processo fotográfico, a arte final pode ser confeccionada num formato maior do que o exigido para a reprodução impressa. Isto porque a arte final terá que ser fotografada para se obter neste processo de fotografia um diapositivo transparente (também chamado de “fotolito” ou transparência”) necessário à gravação da matriz.

Ao ser fotografada, a arte final pode ser reduzida para o formato desejado e essa redução faz desaparecer pequenos defeitos por ventura existentes na arte. Entretanto, quando se usa filmes laser à guisa de fotolito, o desenho deve ser impresso no tamanho a ser impresso. Mas existem ainda a matriz serigráfica feita com com filmes de recorte.

 

Esta exige uma arte final também do mesmo formato a ser impresso porque neste tipo de matriz a transparência é feita recortando-se o filme sobre a arte final usando-se esta última como guia. É claro que se o recorte for feito por um plotter (máquina que recorta com precisão) as informações referentes às medidas serão enviadas ao plotter pelo computador. Eis a questão: hoje em dia quase todos os desenhos para impressão em serigrafia são feitos em computador por intermédio de programas apropriados para desenho como é o caso do mais popular, o Corel Draw.

Diapositivo ou transparência

O diapositivo ou transparência é um pedaço de filme transparente, de plástico ou de papel vegetal, contendo na sua área central o desenho a ser impresso gravado em preto opaco. O diapositivo pode ser feito de várias maneiras mas a principal delas e também a que ainda oferece melhor qualidade é o sistema fotográfico.

Atualmente as máquinas de saída dos birôs de informática também produzem diapositivos de alta qualidade. Além disso podem ser usados filmes impressos em impressoras a laser. A razão pela qual as figuras do desenho aparecem em preto opaco é que na gravação da matriz as áreas em preto devem impedir a passagem da luz.

Diapositivo de papel vegetal O diapositivo mais comum é feito com papel vegetal. Esse papel tem um grau de transparência suficiente para deixar passar a luz. O desenho pode ser feito diretamente sobre o papel com tinta nanquim ou pode ser impresso a laser. Terminada a impressão ou a feitura do desenho, a transparência está pronta.

Consegue -se bons resultados com este tipo de transparência mas a sua principal deficiência é a instabilidade do papel que tende a esticar-se, encolher-se ou ondular-se segundo as variações do clima. Isto acontece também em razão da umidade provocada pelas extensas áreas cobertas com tinta nanquim. O papel vegetal está à venda em folhas e rolos em qualquer papelaria.

Diapositivo de acetato

O filme de acetato de celulose é muito transparente e também serve para a confecção de diapositivos. Foi muito usado por estamparias de tecido as quais necessitam em geral de diapositivos de grande formato. Sobre o filme de acetato usa-se uma tinta de cor sépia, muito opaca, chamada “Abdeck”e que encontra-se à venda em lojas de materiais de desenho e serigrafia.

Diapositivo de poliéster

O filme de poliéster é o mais indicado para aplicação em serigrafia. Trata-se de um filme perfeitamente estável e resistente. É fabricado no Brasil e está disponível no Brasil em várias espessuras e em dois tipos: o transparente e o translúcido. Este último é o mais indicado pois aceita a pintura com tinta nanquim. Está à venda em quase todas as lojas de materiais para serigrafia. É vendido em rolos.

header curso de serigrafia CLIQUE AQUI

 

Deixe seu Comentário

95% da passoas que leram esse artigo, também leu os artigos abaixo

paperbackstack_550x498Fique atualizado... Conheça o Livro a Tecnologia Serigráfica

Informação de qualidade sobre a arte da Serigrafia.

BAIXE AGORA... É GRÁTIS!

Simplesmente preencha o formulário com seu melhor e-mail

Carlos Damasceno

Carlos Damasceno é um apaixonado por desenho e por arte em geral, desde desenhos em papel, a desenhos em qualquer superfície, como camisetas, chaveiros, utensílios de plástico, metal ou qualquer outra superfície. Foi exatamente por causa por isso que também passou a se interessar por serigrafia.

Website: http://www.cursodeserigrafia.org

Comentários no Facebook